#Rodada36 do Brasileirão: Vasco afunda Cruzeiro, Flamengo vence e quebra recordes

Brasileirão: Flamengo goleia e levanta o troféu; Cruzeiro perde e se complica
29 de novembro de 2019
Sorteio define grupos da Copa América 2020
4 de dezembro de 2019

#Rodada36 do Brasileirão: Vasco afunda Cruzeiro, Flamengo vence e quebra recordes

Guarin vibra com o gol marcado que deu a vitória ao Vasco (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco)

Ceará 1×1 Athletico-PR

Na briga contra o rebaixamento, o Ceará pressionou, pressionou, pressionou o Athletico-PR e saiu na frente, mas não conseguiu segurar a vitória e deixou o adversário empatar. Os gols, ambos depois dos 40 minutos do segundo tempo, foram marcados por Mateus Gonçalves e Madson. Com o empate com o Athletico, o Ceará chegou a 38 pontos e se manteve na 16º posição na tabela de classificação do Campeonato Brasileiro.

Botafogo 0x1 Internacional

O Internacional venceu o Botafogo por 1 a 0 no estádio Nilton Santos. O gol colorado foi marcado por Guerrero, em uma falha do goleiro Gatito Fernandes, que não segurou um chute fraco do peruano de fora da área. Com o resultado, os gaúchos seguem na briga por uma vaga na fase de grupos da Libertadores. Mesmo com a derrota em casa, o Alvinegro já garantiu por antecipação a permanência na Série A.

Palmeiras 1×3 Flamengo

No duelo entre o campeão brasileiro da última edição e o atual, o Flamengo levou a melhor e venceu o Palmeiras por 3 a 1, em São Paulo. Mesmo fora de casa e com sua torcida vetada por uma decisão do MP-SP, o Rubro-Negro dominou completamente a partida e não precisou se esforçar muito para conseguir o resultado. Gabigol, duas vezes, e Arrascaeta marcaram os gols e quebraram recordes: chegou a 80 gols e passou a ter o melhor ataque desde que a competição passou a ter 20 clubes em 2006. Gabigol também se tornou o maior goleador em uma edição, neste período. Foi a primeira vez que Flamengo venceu na Arena Palmeiras. Mano Menezes não resistiu à derrota em casa e foi demitido após a partida.

Avaí 1×1 Fluminense

Em situações diferentes no Campeonato Brasileiro, Avaí e Fluminense empataram em 1 a 1 neste domingo, na Ressacada, pela 36ª rodada. O Tricolor saiu na frente, mas recuou demais no segundo tempo, viu os donos da casa crescerem e sofreu o gol nos últimos minutos. Marcos Paulo abriu o placar, e João Paulo, de pênalti, empatou.

Com o empate, o já rebaixado Avaí segue em último lugar na tabela de classificação do Campeonato Brasileiro, com apenas 19 pontos. Já o Fluminense, com 42 pontos e em 15º lugar, assegurou sua permanência na Série A.  

Goiás 1×2 Fortaleza

O Fortaleza de 2019 é inédito e histórico. Fora de casa, o Tricolor cearense confirmou a vaga na Sul-Americana. A vantagem começou a ser criada logo na primeira etapa, com gols de Bruno Melo e Osvaldo, Rafael Moura ainda descontou para o Goiás, mas não adiantou. Veloz, o Fortaleza administrou o segundo tempo e investiu nos contra-ataques para tentar matar o jogo no segundo tempo. As duas equipes pararam na defesa. Vitória do Leão por 2 a 1, no Serra Dourada.

Atlético-MG

Foi um jogo de 14 finalizações para cada lado, um gol anulado para cada time e emoção até o fim. Dono da casa, o Atlético-MG abriu o placar num golaço de Cazares e viu o Corinthians empatar na sequência, com Janderson. Na segunda etapa, os dois jogadores voltaram a protagonizar o lance que definiu a partida: o atacante do Timão derrubou o equatoriano dentro da área, e o árbitro marcou pênalti. Fábio Santos cobrou, definiu a vitória atleticana e zerou qualquer chance de rebaixamento. 

CSA 1×2 Bahia

Com um jogador a menos, o Bahia mostrou força e venceu o CSA, no estádio Rei Pelé, em Maceió. O Tricolor abriu o placar com Gilberto, ainda no primeiro tempo, e viu o adversário empatar no início da etapa final, com Nilton. Pouco tempo depois, os visitantes perderam o volante Ronaldo, que foi expulso. Mesmo assim, a equipe baiana seguiu pressionando e conseguiu o segundo gol aos 40 minutos, com Arthur Caíke. O resultado fez o time encerrar um jejum de nove jogos sem vencer e deixou o CSA em situação delicada na luta contra o rebaixamento.

Grêmio 3×0 São Paulo

Depois de um primeiro tempo insosso, o Grêmio voltou com tudo no segundo, marcou três gols em seis minutos e venceu o São Paulo por 3 a 0 na noite deste domingo, na Arena, pela 36ª rodada do Brasileirão. O resultado do duelo direto é classificação dos gaúchos para a fase de grupos da Libertadores de 2020, enquanto os paulistas terão novo duelo decisivo no meio da semana.

Santos 2×0 Chapecoense

O Santos foi dono absoluto do jogo e venceu a Chapecoense, já rebaixada, com facilidade, na Vila Belmiro, pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro. O placar de 2 a 0 ficou na medida para um time que conquistou a vantagem e depois só administrou o placar. Os gols foram marcados no começo das duas etapas: Lucas Veríssimo na primeira, Evandro na segunda.

Vasco 1×0 Cruzeiro

De um lado, o Vasco respira aliviado. Na noite desta segunda-feira, Guarín marcou o gol da vitória por 1 a 0 em São Januário, garantiu o time na Série A do Campeonato Brasileiro em 2020 e viu a vaga mais perto na Copa Sul-Americana. Do outro, o Cruzeiro do estreante Adilson Batista se afunda em uma crise sem fim. Com direito a chances claras perdidas por Fred e Marquinhos Gabriel nos minutos finais, a Raposa continua no Z-4 a duas rodadas do fim e se aproxima de seu primeiro rebaixamento na história.

Com a derrota do Cruzeiro, o Vasco beneficiou Fluminense e Botafogo, que se livraram do risco de rebaixamento. Com o CSA virtualmente rebaixado, a briga da Raposa agora é somente contra o Ceará.

Fonte: Globo Esporte